Três vereadores presos em ação do MPE em Dourados

Um ex-funcionário da Câmara e um ex-vereador também foram detidos pela polícia

Em mais uma investida do Ministério Público Estadual e da polícia em Dourados, três vereadores e outras duas pessoas, que seriam servidores da Câmara Municipal, foram presos na tarde de hoje. Além das prisões, busca e apreensão foi feita em diversos gabinetes e em setores administrativos do Legislativo Municipal.

De acordo com informações do site de notícias Dourados News, com presos Pedro Alves de Lima (DEM), candidato a presidente da Câmara, Cirilo Ramão Cardoso (MDB) e Idenor Machado (PSDB). Amilton Salina, ex-funcionário da Casa de Leis de Dourados, e Dirceu Longhi, ex-vereador, também foram levados pela polícia.

Vereadores foram levados pelos policiais em veículos descaracterizados (Foto: Osvaldo Duarte/Dourados News)

Ainda não se sabe ao certo quais são os elementos que resultaram nas prisões, mas informações extraoficiais dão conta de que tem a ver com contratos firmados na gestão do vereador Idenor Machado, que presidiu o Legislativo municipal de 2013 a 2016. O promotor responsável é Ricardo Rotuno, titular da 6ª Promotoria de Justiça, que cuida de “procedimentos referentes à proteção do patrimônio público e social”.

Os vereadores deixaram a Câmara acompanhados por policiais em viaturas descaracterizadas.

Corrupção sistêmica – A situação política em Dourados por conta de atos de corrupção tornou-se novamente traumática. No dia 31 de outubro passado foi preso o então secretário de fazenda João Fava Neto, na Operação Pregão, acusado de corrupção na Prefeitura de Dourados.

Ex-homem de confiança da prefeita Délia Razuk (PR), João Fava Neto é apontado como chefe do esquema de fraude em licitações e dispensa ilegal de licitação para aquisição de produtos e serviços a preços superfaturados.

Com ele foram presos na ocasião o  então diretor de licitação da prefeitura Anilton Garcia de Souza, a ex-secretária de Educação e atual vereadora Denize Portolann (PR) e o empresário Messias José da Silva.

(Visited 177 times, 1 visits today)

Comentários

comentários

Editorial
Do NOT follow this link or you will be banned from the site!