Duplicação da rodovia MS-156 em Dourados começa nas próximas semanas

Mais um importante projeto de infraestrutura está saindo do papel. A duplicação da rodovia estadual MS-156, em Dourados, começa a ser executada nas próximas semanas. O  contrato, que ainda será assinado, é de mais de R$ 25 milhões. O nome da empresa vencedora do processo licitatório foi publicado na última quarta-feira no Diário Oficial do Estado. A obra vai melhorar o tráfego na região e garantir qualidade no escoamento de insumos.

O trecho a ser duplicado, com de 7,3 quilômetros de extensão, receberá melhorias e adequações de segurança e drenagem. A área designada para a obra terá início na BR-163 e seguirá até o Distrito Industrial do município. O valor do contrato será de R$ 25.240.155, 47, conforme publicação oficial. Até o próximo ano, Dourados e região devem receber R$ 200 milhões em investimentos.

O vice-governador e secretário de Estado de Infraestrutura Murilo Zauith afirmou que as melhorias previstas para Dourados e região “são a consequência do trabalho desenvolvido pelo Governo que visa atender as demandas de todo Estado”.

Investimentos

Outros recursos para a região estão garantidos. A Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos (Agesul) já divulgou o nome da empresa vencedora da licitação que fará a construção da passarela de pedestres, na MS-156. A estrutura irá beneficiar e dar segurança aos moradores de diversos bairros, como Guaicurus e Dioclésio Artuzi.

Outro projeto importante é a pavimentação do trecho de 8 quilômetros de extensão, aproximadamente, que vai desde o Aeroporto Francisco de Matos Pereira até BR-463, abrangendo o acesso à MS-162.  A vencedora da licitação deve começar a obra nos próximos dias.

A Agesul executa ainda a pavimentação do trecho que liga o anel viário de Dourados ao Hospital da Missão Caiuá e o recapeamento do quadrilátero central entre as ruas Cuiabá-Ponta Porã e Aquidauana-Eulália Pires. Em execução também estão obras de pavimentação e drenagem de vias, ampliação de sistemas de esgotamento sanitário, construção do prédio do DOF ( Departamento de Operações de Fronteira), entre outras  obras que beneficiarão a população.

(Visited 6 times, 1 visits today)

Comentários

comentários

Editorial
Do NOT follow this link or you will be banned from the site!