Gilmar Mendes será relator de ação sobre ‘apagão’ de dados da Saúde
14, janeiro 2022 . 21:30

Gilmar Mendes será relator de ação sobre 'apagão' de dados da Saúde

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), foi escolhido como relator da petição apresentada por parlamentares do PT contra o ministro Marcelo Queiroga sobre o ‘apagão’ de dados consolidados da pandemia. 

Os deputados pediram que o STF envie à Procuradoria Geral da República a acusação feita e alegam que “a persistência desse apagão no Ministério da Saúde, cuja existência, criminosa ou não, prejudica a sociedade brasileira como um todo, dificultando sobremaneira, as políticas públicas sérias para enfrentamento da doença”. 

Na segunda-feira (10), Gilmar Mendes criticou a demora do restabelecimento dos sistemas. “O restabelecimento dos sistemas de atualização dos boletins epidemiológicos deve ser tratado como prioridade. Há semanas os Estados e Municípios enfrentam dificuldades em informar os casos de contaminação e de internação. O #ApagaoNaSaude inviabiliza o enfrentamento da pandemia”, escreveu.

O secretário-executivo do Ministério da Saúde, Rodrigo Cruz, disse que a recuperação dos dados está sendo finalizada e deve ficar disponível logo. Indisponível desde 10 dezembro após ataque hacker, a expectativa é que os dados e sistemas estejam disponíveis para o público até dia 14 de janeiro.