Aliados de Lula e Ciro têm dúvida se aliança para 2022 será mesmo formada

Aliados próximos ao ex-presidente Lula (PT) e o ex-ministro Ciro Gomes (PDT) ainda estão com dúvidas se os dois formarão mesmo uma aliança de esquerda para 2022.  Ambos têm um longo histórico de trocas de farpas, sendo que o pedetista já chegou a chamar o PT de “um bando de ladrão e mentiroso” e acusou Lula de ser o líder de “falcatruas”.

No início do mês passado,  Lula e Ciro tiveram um encontro e conversaram de forma reservada por um longo período. Na ocasião, eles teriam feito as pazes e discutido movimentos de oposição ao governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

Lula e Ciro tiveram um encontro e conversaram de forma reservada por um longo período. (Foto: Instituto Lula)

Desde então, os ataques entre os dois pararam, mas uma aliança ainda é vista com desconfiança por líderes dos partidos do dois lados. Segundo aliados de ambos, o encontro pode ter amenizado alguns desentendimentos, mas as diferenças políticas permanecem.

Um cacique do PT diz duvidar que as desavenças sejam zeradas a tempo de permitir uma aliança para a eleição de 2022. O próprio petista afirma que, ainda que o partido sinalize uma união, Ciro “não acredita” que a sigla vá apoiá-lo.

(Visited 8 times, 1 visits today)

Comentários

comentários

Yara Dosso
Do NOT follow this link or you will be banned from the site!
Últimas Notícias