Em plena crise sanitária, Bolsonaro viajará para visitar e inaugurar obras

Mesmo com os mais de 330 mil mortos em decorrência da Covid-19, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) retornará com a sua agenda oficial de viagens pelo país. Durante esta semana, estão agendadas passagens por Foz do Iguaçu- PR , Chapecó- SC e São Paulo- SP.

Em Chapecó-SC, o presidente irá acompanhar o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, numa agenda em apoio ao prefeito João Rodrigues (PSD). Bolsonaro o considera “exemplo a ser seguido”, já que o mandatário é favorável ao chamado ‘atendimento precoce ‘.

O destino em seguida é Foz do Iguaçu-PR, onde o presidente acompanhará o término das obras da pista de pouso e decolagem na cidade. Também será inaugurado um novo pátio de manobras e as vias de acesso ao aeroporto que foram duplicadas.

Na capital paulista, Bolsonaro busca uma reaproximação com grandes empresários, após a divulgação de manifesto com críticas do setor ao governo em relação à pandemia.

Entre os presentes estarão Flávio Rocha (Riachuelo), Luiz Trabuco (Bradesco ), e Rubens Ometto (Cosan). O presidente levará os ministros Paulo Guedes (Economia), Fábio Faria (Comunicações), Tarcísio de Freitas (Infraestrutura) e Luiz Eduardo Ramos (Secretaria de Governo).

A recomendação para que o presidente não marcasse viagens foi feita por parlamentares a Bolsonaro em meados de março, após a demissão do ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello.

(Visited 3 times, 1 visits today)

Comentários

comentários

Editorial
Do NOT follow this link or you will be banned from the site!
Últimas Notícias