Autor do assassinato de Brunão volta a ser preso
30, junho 2017 . 19:45

Autor do assassinato de Brunão volta a ser preso

A pedido do Ministério Público, o Judiciário decretou hoje a prisão de Christiano Luna de Almeida, 29 anos, acusado do assassinato do segurança Jeferson Bruno Escobar, o Brunão. O pedido de prisão foi feito pelo promotor de Justiça Douglas Oldegardo Cavalheiro dos Santos e a ordem já foi cumprida.

Brunão foi morto a chutes pelo réu na noite de 19 de março de 2011 na entrada da Boate Valley Pub, localizada na Avenida Afonso Pena, em Campo Grande.

Foto enviada ao MPE na qual Christiano Luna de Almeida consome chopp em um restaurante na Capital

A prisão foi decretada pelo Juiz Aluízio Pereira dos Santos, depois que o MP recebeu fotos nas quais aparece Christiano Luna consumindo bebida alcoólica em um restaurante em Campo Grande. Por conta disso, Christiano quebrou todas as condições impostas pelo Justiça para responder ao processo em liberdade.

O Promotor de Justiça Douglas Oldegardo esclarece que o juízo, “diante do descumprimento das medidas impostas, revogou a liberdade provisória cujas condições ele descumpriu. A prisão hoje decretada e cumprida decorreu das próprias ações do acusado”.